Empilhadeiras trazem versatilidade e otimização na logística

Empilhadeiras trazem versatilidade e otimização na logística

Empilhadeiras trazem versatilidade e otimização na logística

Equipamentos facilitam as operações de deslocamento em diferentes espaços 

As empilhadeiras contrabalançadas são um tipo de equipamento usado para manusear cargas pesadas e transporte de materiais de maneira eficiente e segura. Elas recebem esta denominação devido ao contrapeso que possui na parte traseira, o que permite que a máquina levante e descarregue cargas sem tombar.

Os equipamentos são versáteis e indispensáveis em diversos setores industriais como depósitos, armazéns e centros de distribuição, pois auxiliam no controle de cargas, melhorando a eficiência operacional e contribuindo para a segurança no trabalho. Suas funções vão desde o transporte de cargas pesadas até a organização eficiente de materiais em prateleiras elevadas.

Com capacidade para elevar verticalmente objetos de grande porte, essas máquinas desempenham um papel essencial na otimização de processos logísticos e no aumento da produtividade. No comparativo desta edição da Revista Eae Máquinas você vai conhecer alguns dos principais modelos no mercado brasileiro. Confira!

EP Equipment – EFL303S

Empilhadeiras trazem versatilidade e otimização na logística

A EP Equipment, apresenta a nova série de empilhadeiras EFL. Segundo a marca, a linha traz design otimizado da geração anterior com bateria de íon-lítio, além de serem máquinas robustas, ergonômicas e flexíveis.

“Construída sobre o chassi de uma empilhadeira a combustão de 8 toneladas e equipada com um contrapeso de design aerodinâmico, a nova geração da série EFL apresenta maior durabilidade e maior manobrabilidade em espaços confinados”, destaca a empresa.

 A marca explica que a linha oferece alto desempenho em aplicações como indústrias de bebidas, logística, construção, entre outras, tanto em ambientes internos quanto externos. “Para lidar com condições climáticas diversas, a proteção superior (overhead guard) foi atualizada para permitir o uso de uma cabine. Devido ao carregamento de oportunidade, esse equipamento é capaz de gerenciar múltiplos turnos de trabalho”, destaca a companhia.

De acordo com a fabricante, os novos modelos possuem chassi robusto, são elétricos e apresentam um contra-peso mais aerodinâmico e compacto para se ajustar melhor a espaços confinados.

“A porta de carregamento à prova de chuva protege o conector de água e garante a segurança durante o carregamento”, diz a marca.

 Entre os benefícios da máquina, segundo a EP Equipment, estão os componentes, os mesmos da primeira geração, como peças elétricas, caixa de câmbio, controlador e mastro. “Isso não apenas oferece alta confiabilidade, mas também beneficia o gerenciamento e a utilização de estoques de peças”, diz.

 Além disso, a fabricante informa que as máquinas possuem configurações funcionais como sistema OPS, telemática e sistema de cartões, que não apenas consideram a segurança como prioridade, mas reforçam o gerenciamento fácil da frota.

 “A versão S pode ser equipada com controles joystick hidráulicos em vez de alavancas mecânicas. Posicionado na extremidade do apoio de braço, as operações podem ser feitas com os dedos, aumentando a ergonomia do operador por meio dos seguintes controles: todo o controle hidráulico do garfo, incluindo a 4ª via, direção de condução (F-N-B), buzina, botão de parada de emergência”, conclui a fabricante.

Hangcha – Série XC 4

Empilhadeiras trazem versatilidade e otimização na logística

A Série XC, da Hangcha, distribuída no Brasil pela CTS Silva Máquinas e Equipamentos, são empilhadeiras contrabalançadas elétricas disponibilizadas apenas na opção a lítio. Conforme a companhia, os equipamentos são livres de emissão e ruído, com baixo consumo energético, atendem a todos os requisitos ambientais vigentes e têm uma estrutura moderna, compacta e robusta.

“As máquinas possuem excelente vedação dos componentes elétricos contra água e poeira, o que as torna capazes de exercer operações externas com eficiência. As empilhadeiras da Série XC  são ideais para operações onde se precisa percorrer grandes distâncias por atingir maior velocidade”, destaca a marca.

Entre as principais características do modelo está a ergonomia. De acordo com a empresa, o painel de controle posicionado à altura dos olhos melhora a visibilidade e o acesso do operador. Além disso, o espaço para o operador, o pedal de freio maior e o banco anatômico com suspensão e ajustes garantem conforto durante o uso.

De acordo com a companhia, o equipamento possui recursos para garantir a segurança nas operações como controle automático de velocidade em curvas, baixo centro de gravidade para maior estabilidade, alta visibilidade entre a torre, OPS e sistema de amortecimento dos garfos.

Outro ponto em destaque, conforme a marca, são os freios regenerativos que melhoram a eficiência energética e promovem maior autonomia da bateria e economia. A abertura completa do capô facilita a manutenção, e ambos os motores elétricos são livres de manutenção.

“A bateria de lítio de alta qualidade com células CATL é um grande diferencial que possui uma vida útil muito mais longa do que a convencional de ácido-chumbo. Além de não precisar de manutenção periódica, a bateria de lítio necessita de baixo tempo de recarga e permite cargas de oportunidade. Esses dois fatores combinados deixam o equipamento sempre disponível, dispensando a necessidade de bateria extra em casos de operação com dois ou mais turnos”, completa a distribuidora.

As empilhadeiras da Série XC, diz a empresa, são equipadas com componentes de qualidade, incluindo o driver INMOTION Full AC e um painel de LCD programável que elimina a necessidade de instrumentos externos para leitura dos parâmetros. O sistema BMS (Battery Management System) monitora constantemente a energia, garantindo uma operação segura e protegendo a bateria contra fatores externos.

“As empilhadeiras da Série XC com tecnologia de bateria de lítio oferecem uma combinação impressionante de desempenho, eficiência e conforto. De qualquer forma contamos com outros modelos que se adequam às diferentes necessidades, é sempre importante fazer uma consultoria e avaliar a opção que melhor se encaixa em uma determinada operação”, conclui a CTS Silva.

Heli CPD38

Empilhadeiras trazem versatilidade e otimização na logística

Quem busca segurança e versatilidade, a Heli Brasil, oferece o modelo CPD38 que tem uma capacidade de elevação de 3,8 toneladas. “A máquina tem performado com excelência em diversos segmentos, entre eles, destacamos os setores agro, na movimentação de fardos de algodão e bags de sementes, indústria de bebidas e mineração, a alta performance e os recursos de segurança da são fatores decisivos na escolha deste equipamento”, afirma a companhia.

Segundo a fabricante, as empilhadeiras elétricas estão alinhadas com as propostas de preservação ambiental, certificações internacionais e com a política de ESG, através do Ecossistema Heli. Este sistema, informa a companhia, busca tornar não apenas o processo de movimentação de carga mais verde, como também contribuir para que essa mudança nas empresas seja feita com qualidade, eficiência e comprometimento.

Outra característica, conforme a companhia, está na versatilidade dos equipamentos que são alimentados por bateria de lítio através das recargas de oportunidade, permitindo o reabastecimento de energia em qualquer momento. “Isso elimina a exigência de substituição de baterias, manutenção diária e longos períodos para carregamento completo”, destaca a fabricante.

Além disso, diz a marca, possibilita a instalação de carregadores em locais estratégicos, otimizando o espaço e o tempo de operação, enquanto reduz o custo com manutenção preventiva em cerca de 40%.

A empresa explica que dispõe de equipamentos para movimentação de carga, com capacidades de 1 a 46 toneladas e são utilizadas nas mais diversas aplicações, aliando, segundo a Heli Brasil, precisão, alta taxa de disponibilidade, baixo nível de ruído, ergonomia, segurança, redução de acidentes e de quebra de mercadorias além de zero emissão de poluentes.

Esses equipamentos, diz a fabricante, podem operar em ambientes frigorificados com temperaturas negativas de até -28°C e também em dias chuvosos, graças a sua isolação IPX4. Operações em paralelepípedo, asfalto ou concreto também são possíveis, pois o diâmetro das rodas e o sistema de transmissão viabilizam o seu uso.

A Heli Brasil disse que oferece também um suporte de pós-venda para toda sua frota.

Jungheinrich Brasil – EFG 430

Empilhadeiras trazem versatilidade e otimização na logística

As empilhadeiras EFG 430 da Jungheinrich são usadas em aplicações internas e externas, que vão desde o uso específico do setor com implementos personalizados até a movimentação rápida de cargas pesadas. Com capacidade para três toneladas, a empresa informa que os equipamentos contrabalançados elétricos da Série 4 são versáteis e eficientes para operações pesadas.

“A EFG gasta até 10% menos energia do que modelos equivalentes, por conta do nosso conceito de ‘PureEnergy’, que reduz significativamente o consumo e garante a máxima eficiência por meio da mais avançada tecnologia trifásica – tudo isso combinado com um controle compacto e sistema hidráulico”, afirma o vice-presidente da Jungheinrich na América Latina, Vigold Georg.

Além disso, diz a fabricante, a empilhadeira conta com a tecnologia da bateria de lítio, que garante um tempo curto de carregamento, uma redução de custos e baixa manutenção, especialmente quando comparado, por exemplo, aos equipamentos que possuem baterias de chumbo-ácido.

“Com essa tecnologia não é necessária a troca da bateria, nem de salas ventiladas especiais para carregamento, já que não há formação de gás”, complementa o executivo.

 

Outra característica da EFG 430, conforme a marca, é o designer focado no conforto e atuação do operador da máquina. A Jungheinrich explica que o mastro de elevação compacto garante amplo campo de visão para o operador.

“As empilhadeiras possuem sistema intuitivo de diálogo com o condutor, sistemas de assistência inteligentes e opções de segurança. Tudo isso oferece proteção máxima ao operador”, finaliza.

De acordo com a empresa, o equipamento também proporciona um posto de trabalho ergonômico, pois possui características importantes, como degrau de subida no veículo e espaço plano para os pés; coluna de direção estreita, que garante mais espaço livre para movimentação dos joelhos e das pernas; apoio para os braços reclinável com diversos tipos de forro e compartimento espaçoso; bem como a vibração mínima, devido ao desacoplamento da cabine do chassi.

Manitou – ME 430 

Empilhadeiras trazem versatilidade e otimização na logística

A Manitou apresenta o modelo de empilhadeira elétrica ME 430, que, segundo a empresa, é focado na segurança dos operadores e na eficiência operacional. “A companhia destaca sua dedicação à criação de máquinas de alto desempenho e segurança, incorporando recursos inovadores para criar um ambiente de trabalho confiável e produtivo”, afirma a companhia.

A empilhadeira elétrica oferece características como sistema de detecção do operador, que desativa as funções de elevação e deslocamento da máquina se o operador não estiver devidamente sentado, garantindo um ambiente de trabalho seguro; e uma iluminação LED completa para uma visibilidade otimizada, melhorando a segurança durante as operações.

Além disso, conforme a marca, o modelo apresenta um painel de instrumentos intuitivo que fornece uma visão abrangente do desempenho da empilhadeira, posição das rodas, direção e nível de carga da bateria, permitindo que os operadores tomem decisões informadas.

De acordo com a fabricante, o equipamento também possui acesso fácil à cabine, o que reduz a fadiga do operador com um degrau rebaixado e antiderrapante; modos de desempenho personalizáveis, que permitem ajustar o desempenho do motor e funções hidráulicas conforme a aplicação; segurança em curvas e aviso sonoro que, de acordo com a companhia, reduz a velocidade de forma inteligente em curvas e inclui uma buzina de marcha à ré.

Além disso, a Manitou destaca a rede de concessionários que oferece suporte contínuo em todo o mundo, composta por mais de 900 distribuidores, segundo a empresa.

Há também, diz a companhia, fácil acesso a peças de reposição, com mais de 70 mil peças em estoque, minimizando o tempo de inatividade. “A conectividade permite o gerenciamento eficiente das máquinas, com a solução Easy Manager, que oferece monitoramento em tempo real, agendamento de manutenções e gestão simplificada”, destaca.

“A Manitou reforça seu compromisso em elevar os padrões de segurança e eficiência por meio de tecnologias avançadas e inovação contínua. Com sua rede de concessionários dedicados e soluções personalizadas, os equipamentos Manitou são parceiros confiáveis para operações de sucesso”, conclui a empresa.

Toyota –  8FBN30
Empilhadeiras trazem versatilidade e otimização na logística
A Toyota destaca, entre seus modelos, a empilhadeira 8FBN30 que, segundo a companhia, é uma síntese da tradição e da vanguarda tecnológica que a Toyota Material Handling representa.

“Esta empilhadeira elétrica foi precisamente projetada para atender às necessidades de uma ampla gama de indústrias e ambientes operacionais”, diz a fabricante. Com grande capacidade de carga e um design compacto, afirma a empresa, o modelo é um exemplo de como a eficiência pode ser maximizada sem comprometer o espaço.

Uma das principais características do equipamento, conforme a fabricante, é a operação suave e silenciosa devido à tecnologia de motorização elétrica. “Com seu sistema 80V, que também garante emissões zero, a 8FBN30 é equipada com sistemas inteligentes de gerenciamento de energia que otimizam o consumo e prolongam a vida útil da bateria, resultando em economia de custos e maior tempo de operação”, afirma a companhia.

Outra característica da máquina, de acordo com a empresa, é a segurança do operador. “Seu design ergonômico e intuitivo, combinado com uma visibilidade excepcional, permite que os operadores realizem suas tarefas com confiança e precisão”, frisa a companhia. Além disso, diz a Toyota, ela possui o exclusivo Sistema Ativo de Estabilidade, também conhecido como SAS, que previne colisões e acidentes.

A versatilidade da 8FBN30, diz a fabricante, é um dos seus maiores trunfos. “Com uma gama de configurações e acessórios personalizáveis, incluindo baterias de íons de lítio de longa durabilidade, a empilhadeira se adapta facilmente a diversas aplicações, desde estoques até linhas de produção”, informa a marca.

“A combinação de desempenho excepcional, segurança aprimorada, confiabilidade e respeito pelo meio ambiente coloca a Toyota 8FBN30 no topo da hierarquia das soluções de movimentação de materiais”, afirma a fabricante. Ao escolher o modelo, alega a companhia, as empresas estão adotando uma abordagem eficaz e sustentável para enfrentar os desafios logísticos modernos, alinhando-se com a visão de um futuro mais eficiente e responsável.

 

 

 

 

 

Deixe seu comentario

Ultimas Noticias

Veículos autônomos (AGVs) chegam à operação da unidade da ZF em Limeira, SP Percurso feito pelos AGVs soma um km e conecta o armazém
Categorias

Fique por dentro das novidades

Inscreva-se para receber novidades em seu Email, fique tranquilo que não enviamos spam!

Deixe seu Email para acompanhar as novidades 

Solicitar maiores informações

Preencha as informações abaixo e entre em contato com o anúnciante!