Mineração Serra Verde recebe frota de caminhões para operações de terras raras em Minaçu

Mineração Serra Verde recebe frota de caminhões para operações de terras raras em Minaçu

Com previsão para início ao longo deste ano, mineradora já realizou a compra de 21 veículos

para desenvolvimento da mina

Mineração Serra Verde recebe frota de caminhões para operações de terras raras em Minaçu
Funcionários da SVPM com a nova frota

A Mineração Serra Verde acaba de receber a nova frota de caminhões de transporte de minério e estéril, com 21 veículos que serão utilizados na operação de terras raras prevista para início ainda este ano, é o que informa Sérgio Saraiva, Gerente de Mina da SVPM. Tendo como objetivo se consolidar como uma das principais produtoras mundiais de terras raras do mundo,, a empresa já contava com outras 21 máquinas pesadas, como escavadeiras, tratores e carregadeiras, recebidas em 2021.

“São caminhões automáticos, robustos e de ótima confiabilidade para a operação da mina que, em breve, vão contar com sistemas de monitoramento para análise dos componentes, desde a pressão e temperatura dos pneus, quantidade transportada, sistema de consumo de combustível e, para segurança e conforto dos operadores, até sistemas de anticolisão e gestão de fadiga (controle do sono). Esses veículos que têm capacidade de carga para 36 a 45 toneladas, estão entre os melhores do mercado”, explica Rudyard Santos, Coordenador de Manutenção de Frota da SVPM. Ele afirma que, neste primeiro semestre, 25% da nova frota será utilizada com mão de obra efetiva e, com a produção ativa da mina e planta de beneficiamento, haverá um acréscimo de cerca de 20 caminhões em 2023. “Devemos chegar a 100 equipamentos próprios”, conta.

De acordo com Luciano Borges, Vice-Presidente Executivo da Mineração Serra Verde, no ano passado, foi dado início ao desenvolvimento da construção da primeira abertura da futura mina. “Já estávamos utilizando caminhões fora-de-estrada, de grande porte (CAT 777), para cumprirmos com os prazos com maior eficiência, gastando menos combustível e emitindo menos CO₂. Queremos assegurar que, até nas mínimas atividades do projeto, a sustentabilidade, assim como a segurança, seja uma prioridade”, explica o executivo.

Com o novo maquinário, a mineradora também já começou a preparação para a retirada do solo orgânico, que é estocado para reposição e recuperação ambiental das áreas lavradas. “Nosso potencial de recursos para expandir a nossa participação na cadeia produtiva global é muito grande, e tenho certeza que este ano será ainda mais promissor”, finaliza Luciano Borges.

 

Deixe seu comentario

Ultimas Noticias

Prêmio Municípios Mineradores vai reconhecer a qualidade dos serviços públicos municipais Na edição de 2022 a premiação vai destacar 24 iniciativas e, destas, 8
Categorias

Fique por dentro das novidades

Inscreva-se para receber novidades em seu Email, fique tranquilo que não enviamos spam!

Sobre Nós

A Revista EaeMáquinas, de circulação bimestral, é o melhor guia de compras do setor de máquinas; relacionando as empresas, revendas e distribuidoras de equipamentos, peças, prestadores de serviços e notícias relacionadas ao mercado.

Contato: atendimento@eaemaq.com.br — Tel.:11- 4604-8046

Siga-nos

Deixe seu Email para acompanhar as novidades

Solicitar maiores informações

Preencha as informações abaixo e entre em contato com o anúnciante!