Biopolímero aprovado para compostagem industrial para fios de estufa

Biopolímero aprovado para compostagem industrial para fios de estufa 

Biopolímero aprovado para compostagem industrial para fios de estufa 

  • ecovio® T 2206 é o material ideal para fios usados no cultivo anual de frutas e vegetais em estufas
  • O ecovio® é certificado compostável industrial e estende o fim da vida útil dos fios para a reciclagem orgânica

Biopolímero aprovado para compostagem industrial para fios de estufa

ecovio® certificado compostável industrial apoia a reciclagem orgânica: após a colheita, os fios podem ser coletados junto com os resíduos vegetais e transportados para compostagem, fechando o ciclo da economia circular

A BASF amplia sua oferta para a produção sustentável de alimentos: seu biopolímero compostável certificado ecovio® agora também pode ser usado para fabricar fios pretos usados no cultivo anual de frutas e vegetais em estufas comerciais. O grade ecovio® T 2206 é certificado como compostável industrial de acordo com a norma EN13432. Isso significa que, após a colheita, os fios podem ser coletados junto com os resíduos vegetais e transportados para instalações de compostagem industrial (dependendo das regulamentações locais), onde se biodegradam. Com essa nova opção de fim de vida útil para os fios, os microplásticos persistentes em resíduos orgânicos podem ser evitados e, ao mesmo tempo, mais resíduos verdes podem ser transformados em um valioso composto. Assim, o ecovio® certificado compostável industrial apoia a reciclagem orgânica e ajuda a fechar o ciclo de nutrientes para alcançar uma economia circular.

Os fios feitos em ecovio® T 2206 podem ser usados para ajudar trepadeiras como tomates e pepinos a subir em estruturas de estufas em muitos climas da Europa, América do Sul, Ásia e Canadá: testes mostram o excelente desempenho dos fios até o final do ciclo da cultura.

Após a colheita, os agricultores não precisam fazer a trabalhosa separação entre os fios e as plantas, mas simplesmente coletá-los juntos para compostagem. Os fios compostáveis industriais certificados apresentam benefícios não só para os agricultores, como também para os fabricantes: o ecovio® T 2206 pode ser produzido em maquinário padrão de polipropileno (PP) para fios.

Outros biopolímeros da BASF para aplicações agrícolas

O portfólio de biopolímeros da BASF para a agricultura sustentável e a produção de alimentos também inclui o ecovio® M 2351 certificado como biodegradável no solo (de acordo com a norma EN 17033). Ele foi especialmente desenvolvido para filmes agrícolas (mulch film) usados na agricultura e na horticultura para aumentar o rendimento, acelerar a colheita e economizar água e herbicidas. Os filmes agrícolas (mulch film) feitos de ecovio® M 2351 são completa e biologicamente degradados por microorganismos como bactérias e fungos que existem naturalmente no solo. Os agricultores podem simplesmente arar os filmes agrícolas (mulch film) feitos em ecovio® M 2351 de volta ao solo após a colheita. Isso economiza tempo e dinheiro e ajuda a evitar a persistência de microplásticos no solo agrícola, o que ocorreria se os agricultores usassem filmes agrícolas convencionais feitos de polietileno (PE) não biodegradável.

Biopolímeros da BASF permitem a reciclagem de produtos orgânicos

O biopolímero ecovio® da BASF é certificado como compostável de acordo com normas como a EN13432. Ele é uma blenda do PBAT ecoflex® da BASF e de matérias-primas renováveis. As aplicações típicas do ecovio® são sacos de lixo (resíduo orgânico), “filme strech”, sacolas para frutas e vegetais, bem como filmes agrícola e aplicações em embalagens de alimentos. Estudos mostram as vantagens do ecovio® para a produção, a embalagem e o prazo de validade dos alimentos, bem como para a coleta de resíduos alimentares. Essas vantagens se baseiam na biodegradabilidade certificada do material na compostagem industrial e doméstica, bem como no solo agrícola: O desperdício de alimentos é reduzido, os nutrientes são devolvidos ao solo por meio de maiores volumes de composto, e o acúmulo de microplásticos persistentes no solo agrícola é evitado. Isso contribui para uma economia circular ao fechar o ciclo de nutrientes por meio da reciclagem de orgânicos.

Mais informações: www.ecovio.basf.com e www.biopolymers.basf.com

Sobre a divisão de Materiais de Perfeormance da BASF

A divisão de Materiais de Performance da BASF está na vanguarda da tão necessária transformação da sustentabilidade em plásticos. Nossos produtos são criados em conjunto com clientes de todo o mundo para trazer inovações aos principais setores da indústria, como transporte, bens de consumo e aplicações industriais e construção. Nossa Pesquisa & Desenvolvimento concentra-se em todos os estágios da jornada do plástico: Fabricar, Usar e Reciclar. A fase de FABRICAÇÃO consiste em melhorar a forma como os plásticos são fabricados, desde o design do produto até a escolha das matérias-primas e o próprio processo de fabricação. A fase de USO aprimora os pontos fortes dos plásticos, como leveza, robustez e resistência térmica. No final do ciclo de vida do produto, a fase RECICLAR analisa como fechar o ciclo para alcançar uma economia circular. Em 2023, a divisão de Materiais de Performance alcançou vendas globais de 7,2 bilhões de euros. Participe de nossa jornada de plásticos em: Link

 

Deixe seu comentario

Ultimas Noticias

Massey Ferguson lança websérie sobre fenação Feno e Ação aborda as diferenças e benefícios da produção de fardos de feno e de pré-secado, com
Categorias

Fique por dentro das novidades

Inscreva-se para receber novidades em seu Email, fique tranquilo que não enviamos spam!

Deixe seu Email para acompanhar as novidades 

Solicitar maiores informações

Preencha as informações abaixo e entre em contato com o anúnciante!