Com soluções modernas, Passarelli Engenharia executa grandes obras de…

Com soluções modernas, Passarelli Engenharia executa grandes obras de saneamento no Ceará e em Campinas (SP)

Com soluções modernas, Passarelli Engenharia executa grandes obras de saneamento no Ceará e em Campinas (SP)

Projeto Malha D’água (CE) beneficiará mais de 270 mil pessoas; em Campinas, a ampliação e modernização do sistema de saneamento com a tecnologia Nereda promete melhoria para os cidadãos

Com soluções modernas, Passarelli Engenharia executa grandes obras de saneamento no Ceará e em Campinas (SP)

A Passarelli Engenharia tem, entre as suas marcas, o pioneirismo em obras de saneamento básico. Com 92 anos de existência, 60 anos dos quais atuando no setor de saneamento, a empresa tem construções bastante significativas para as mais diversas localidades no que se refere a água e esgoto. Dentre os projetos mais recentes, destacam-se o Malha D’água, o maior sistema adutor em execução no Ceará, e o retrofit e ampliação da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Anhumas, em Campinas (SP), que será transformada em uma Estação Produtora de Água de Reúso (EPAR).

O Projeto Malha D’Água, no Ceará, é uma das maiores obras em andamento na região. Iniciado em abril de 2022, envolve a construção de um sistema adutor de água tratada com 47 estações de bombeamento, o que proporciona uma capacidade de vazão total de 540 litros/segundo. O novo sistema vai beneficiar, aproximadamente, 215 mil pessoas em 9 sedes municipais e 38 localidades distintas, resultando em melhorias significativas no acesso à água potável.

Essa obra faz parte do Sistema Adutor Banabuiú-Sertão Central, onde a captação vai acontecer no Açude Banabuiú. Ali, a água vai passar por um processo de ultrafiltração em uma Estação de Tratamento de Água (ETA) e seguir por, aproximadamente, 700 km de adutoras. A construção do sistema de captação, ETA e adutora foram iniciadas no município de Banabuiú e Jaguaretama, seguindo em direção às demais cidades.

A obra tem previsão de conclusão em cinco anos.

Tecnologia Nereda em Campinas

Originária da Holanda, a tecnologia revolucionária Nereda diminui significativamente o impacto ambiental das operações de tratamento de esgoto, proporcionando um efluente de alta qualidade ao final do processo. Em relação aos métodos convencionais, a Nereda reduz, de forma considerável, o tamanho das estruturas da estação de tratamento de esgoto, mantendo a mesma capacidade de tratamento de uma estação convencional.

A Passarelli se tornou a primeira empresa de engenharia, não concessionária do País, a assinar um contrato com a empresa holandesa Royal Haskoning DHV. São dois contratos: um para EPAR Anhumas e outro para a ETE Piçarrão, ambas em Campinas, interior de São Paulo, que fazem parte do sistema de esgotamento sanitário da Sociedade de Abastecimento de Água e Saneamento (Sanasa).

Estimativas dos desenvolvedores dão conta de que a redução do gasto energético com a Nereda pode variar entre 30% e 40% a menos que os métodos atuais e, por utilizar tanques menores, pode gerar uma redução de até 20% nos custos gerais da obra, além da redução significativa de nutrientes e fósforo, o que garante um efluente com melhor qualidade.

A EPAR Anhumas trará um marco de inovação, pois vai combinar a tecnologia Nereda para o eficiente tratamento biológico ao processo de tratamento de esgoto com o tratamento por membranas de ultrafiltração. No mundo, somente existem dois sistemas em implantação, o de Anhumas e um outro em Israel. Após a conclusão das obras, prevista para o final de 2025, Anhumas será capaz de tratar uma média de 830 litros de esgoto por segundo, tornando o efluente tratado em água de reuso, pronta para ser reutilizada em diversas aplicações. Para se ter uma ideia, hoje, no Brasil, apenas 1% da oferta de água provém de reuso de efluentes tratados, segundo um estudo da Confederação Nacional da Indústria (CNI).

“Ambos os projetos são um verdadeiro marco para a Passarelli. No projeto Malha D’água vamos entregar um sistema adutor de excelência, que promova o desenvolvimento socioeconômico da região e garanta o acesso à água potável para milhares de pessoas. E, em Campinas, estamos comprometidos em fornecer soluções sustentáveis e melhoria da qualidade de vida da comunidade, impulsionando a produção de água de reuso e contribuindo para a preservação dos recursos hídricos”, comenta Paulo Bittar, presidente da Passarelli.

Deixe seu comentario

Ultimas Noticias

Ferrovia de MT é responsável por 62,1% do saldo de empregos em infraestrutura no estado no 1º tri de 2024
Ferrovia de MT é responsável por 62,1% do saldo de empregos em infraestrutura no estado no 1º tri de 2024 Ao todo, o saldo
Categorias

Fique por dentro das novidades

Inscreva-se para receber novidades em seu Email, fique tranquilo que não enviamos spam!

Deixe seu Email para acompanhar as novidades 

Solicitar maiores informações

Preencha as informações abaixo e entre em contato com o anúnciante!