Tel:11 - 4604-8046 | E-Mail: atendimento@eaemaq.com.br

Notícias do Mercado Comparativo da edição Pavimentadoras inovam com sistema inteligente e eficiência

Pavimentadoras inovam com sistema inteligente e eficiência

-

- Advertisement -
- Advertisement -

Há pelo menos cinco características essenciais para compor uma máquina pavimentadora, ou, como também é chamada, uma vibroacabadoras. São elas: produtividade, tecnologia, manobrabilidade, baixas emissões de poluentes e ruídos, e a economia de combustível.

Cada um desses pontos são complementares e determinantes para que o equipamento tenha a garantia de eficiência e qualidade final na aplicação do asfalto além, é claro, de um trabalho alinhado e sem deformidades.

Assim como garantir uma execução rápida, atendendo altos padrões e de forma que o desempenho obtido seja elevado. Só assim os processos de espalhar e nivelar o asfalto serão realizados com excelência.

Fundamental para esse processo está à tecnologia empregada em cada uma delas. Afinal, como se sabe hoje, não basta a robustez, é essencial que o trabalho seja otimizado. Para isso, sistemas inteligentes e informatizados têm a cada dia elevado os resultados deste tipo de máquina.

Pensando em te apresentar as melhores opções disponíveis no mercado, esta edição do Comparativo da Revista EaeMáquinas reúne modelos de alto nível para que você possa conferir e escolher a de sua preferência. Avalie e encontre o equipamento que melhor atenda às suas necessidades.

AMMANN AFT 600-03



Pavimentadora AFT 600-3 do Grupo Ammann.

A pavimentadora AFT 600-3 do Grupo Ammann, empresa de engenharia mecânica especializada em máquinas para a indústria de construção, é um equipamento que possibilita alta produtividade, qualidade e eficiência com excelente relação custo-benefício.

Esta pavimentadora de esteira é dotada de alta capacidade de tração. Além disso, o equipamento utiliza um sistema de controle inteligente que apresenta uma variedade de funções automatizadas.

De acordo com a Ammann, a AFT 600-3 se mostra produtiva em espaços abertos e versátil em obras com curvas e espaços estreitos, como na cidade. As esteiras proporcionam maior aderência, o que é particularmente útil em terrenos íngremes, e são acionadas por motores hidráulicos com engrenagens planetárias para alto torque, garantindo força de tração.

Em relação ao sistema de alimentação de material, a fabricante informa que ele proporciona o fluxo de mistura consistente. As pavimentadoras são dotadas de sistema de transporte de material duplo, garantindo fluxos de material consistentes do silo de massa.

O equipamento ainda foi especialmente projetado para evitar o derramamento durante o basculamento dos caminhões na pavimentadora. Assim como também foi desenvolvido para maximizar o fluxo e minimizar a segregação. O resultado é uma maior qualidade na forma de camadas mais lisas. Isso ainda aumenta a produtividade, devido controle de velocidade proporcional.

Um motor Cummins QSB de 6,7 litros, refrigerado a água, equipada a máquina. Ele é capaz de acionar um sistema hidráulico com transferência de potência por meio de uma caixa de câmbio dividida. O motor, segundo a Ammann, tem sua classificação dentro dos padrões de emissões Nível 3 / Estágio IIIA, estabelecidos pela União Europeia, o que gera uma eficiência do combustível. Como consequência, há uma maior autonomia, ou seja, mais toneladas por hora aplicadas com menos combustível. Enquanto isso, o sistema de refrigeração elimina o risco de superaquecimento do motor e do sistema hidráulico.

Na parte dianteira os roletes de encosto do caminhão movem-se juntamente com os silos. Na cabine, dois assentos reguláveis podem deslizar lateralmente de forma individual. O painel de controle é ajustável de acordo com a posição do assento, proporcionando maior conforto e segurança ao operador.

Controle simples e funcionalidade máxima

A AFT 600-3 foi desenvolvida para atender a todas as situações de trabalho e oferecer qualidade no acabamento, com foco no controle simples e na funcionalidade máxima.

O sistema de locomoção é composto de esteiras com sapatas de borracha e sistema tensionador automático com acumulador de lubrificante. A transmissão hidrostática é acionada com a ajuda de bombas de fluxos variáveis que alimentam dois motores. As esteiras são acionadas pelo sistema mecânico ligado às caixas de transmissão. Um comando eletrônico proporcional montado em cada bomba controla o arranque e também controla e ajusta a velocidade.

A mesa compactadora possui tecnologia que garante alta capacidade de compactação e versatilidade para aplicação. De acordo com a fabricante, o conceito de quatro tubos gera a estabilidade. Eles possibilitam larguras de trabalho amplas sem a necessidade de nenhuma haste de suporte. Isso torna a preparação da mesa mais fácil e economiza tempo ao preparar a pavimentadora para grandes larguras de trabalho. Já o ajuste do ângulo de ataque é realizado com o chamado «Flexilever», de forma intuitiva.

As mesas dos equipamentos da Ammann têm sistemas de aquecimento elétricos ou a gás (GLP). As com aquecimento elétrico apresentam isolamentos de qualidade e um gerador para reduzir os tempos de aquecimento. Assim como as bobinas do aquecedor são projetadas para proporcionar uma distribuição uniforme de calor. Enquanto que as mesas com aquecimento a gás apresentam um rápido tempo de aquecimento que atinge as temperaturas objetivadas rapidamente.

BOMAG – VDA 700 MAX


Vibroacabadora VDA 700 MAX da BOMAG.

As vibroacabadoras da série VDA MAX da BOMAG, líder mundial em compactação e pavimentação, são desenvolvidas no Brasil e incorporam todo o know-how da BOMAG Alemanha e o pioneirismo presente desde os fundadores da atual BOMAG MARINI.  A série VDA é referência no Brasil e no mundo e está presente no mercado há mais de 15 anos, atuando nas mais importantes obras de pavimentação dentro e fora do país. Em 2017, os implementos provenientes da evolução da nova série de vibroacabadoras VDA MAX trouxeram ainda mais precisão e controle para a aplicação.

Através de um painel de controle completamente intuitivo, com interruptores de linguagem universal: para cada função um botão é acionado, minimizando os períodos de treinamento e aumentando a eficiência na operação, além disso, os interruptores podem ser facilmente substituídos, com ampla distribuição em todo o território, o que se traduz em uma operação contínua e economicamente eficiente. 

De acordo com a BOMAG, o display, com tela colorida, exibe as principais funções da vibroacabadora e fornece diagnósticos de falhas do motor em tempo real, proporcionando maior controle na pavimentação e, ao mesmo tempo, prevenindo qualquer falha. No modelo VDA 700 MAX, o controle da direção é através de joystick, facilitando ainda mais a operação em qualquer aplicação, com controle de qualquer mudança de direção no próprio eixo de giro.

Potência, estabilidade e segurança

Nas vibroacabadoras da série VDA MAX, a fabricante informa que a potência é aliada a baixa emissão de gases e ruídos, através do renomado motor Cummins Tier 3, com sistema eletrônico de injeção de combustível e ampla rede de atendimento e disponibilidade de peças, a força e a qualidade estão garantidas.

Um destaque da marca é em relação a confiança que, segundo a BOMAG, é um requisito indispensável na VDA 700 MAX, por isso, está presente em cada detalhe. O helicoidal, de altíssima resistência a abrasão, assegura a mais alta qualidade. Além de contar com um sistema independente de acionamento entre helicoidal e transportador de massa, proporcionando uma alimentação mais precisa. Com regulagem mecânica do ângulo de ataque através de um manípulo, proporciona um excelente controle sobre o volume de massa, além de otimizar a aplicação de material granular para camadas de base/sub base, proporcionando uma pavimentação de altíssima qualidade aliada a uma excelente relação custo-benefício.

No quesito tração e estabilidade, a VDA 700 MAX é o modelo recomendado para pavimentação em subidas e aplicação de camadas granulares de base. Com esteiras revestidas com sapatas trapezoidais de borracha maciça, proporcionam a mais alta durabilidade. Além disso, o raio de giro sobre o próprio eixo agrega facilidade no deslocamento e, para completar, a transmissão hidrostática de alta eficiência garante suavidade na pavimentação.

Outro detalhe importante ressaltado pela fabricante são os novos ângulos internos nos silos, com design inteligente que evita acúmulo de material e, consequentemente, otimiza a pavimentação e reduz significativamente a necessidade de paradas e manutenções durante a operação.

A VDA 700 MAX conta com barras transversais da corrente aparafusadas com fácil acesso para tornar a manutenção rápida e prática, além disso, os pontos de reparo são facilmente acessados, com amplas aberturas.

De acordo com a fabricante, a versatilidade é primordial na VDA 700 MAX e também nos demais modelos da série, que garantem a maior variedade de larguras de pavimentação da categoria, com a maior abertura de trabalho disponível através de controle hidráulico.

Para facilitar a operação, as vibroacabadoras da BOMAG garantem alta visibilidade através do deslocamento lateral do posto de comando para ambos os lados, com visão total para a área de pavimentação e seis faróis para trabalho noturno e iluminação completa do local de trabalho. Além disso, o display com tela colorida exibe as principais funções da vibroacabadora, incluindo diagnósticos de falhas do motor, facilitando o trabalho do operador e o tornando ainda mais assertivo, eficiente e estratégico.

Cat® AP555F

Pavimentadora de esteira de borracha Cat® AP555F.

Quando se busca uma pavimentadora que tenha a mobilidade como referência, é preciso que o equipamento apresente alta velocidade de percurso, flutuação excelente e tração superior.

Estas são características que definem a Cat® AP555F, a pavimentadora de esteira de borracha de porte médio da Caterpillar. De acordo com a empresa, o equipamento se destaca em autoestradas, ruas e outros locais de trabalho urbanos.

A fabricante atribui como principais destaques da máquina os resultados de alta qualidade e rendimentos elevados aliados à tecnologia.

O motor é apontado como um dos carros chefes. O Cat C4.4 ACERT™ que fornece 106 kW (142 HP Imperial, 144 HP métrica) de energia e atende aos requisitos de emissões do EPA (Environmental Protection Agency) e do Estágio IV, órgãos de proteção ambiental dos Estados Unidos e da União Europeia, respectivamente.

A Cat AP555F dispõe do Modo Econômico, que permite utilizar uma rotação do motor de 1.650 rpm e, assim, reduz o consumo de combustível em até 5% em relação às pavimentadoras série E da Cat, também reduzindo ainda mais os níveis de ruído.

Quando o controle automático de rotação do motor está ativado, a rotação é reduzida para uma marcha lenta de 1.000 rpm quando a alavanca de propulsão for movida para a posição neutra ou para 1.300 rpm quando o aquecimento da mesa estiver ativo.

Já na opção avançada é possível ativar de uma só vez o modo econômico e o controle automático de rotação. Neste caso, a rotação do motor é modificada com base em fatores de carga. De acordo com a Caterpillar, este aprimoramento tecnológico avançado garante um desempenho confiável.

O motor é de partida rápida, sendo assim, fornece um tempo de aquecimento menor que 35 minutos quando equipado com o pacote de pavimentação de grandes larguras. Também conta com o modo de aquecimento silencioso, que opera a uma rotação do motor de 1.300 rpm e fornece aquecimento da placa da mesa em menos de 15 minutos.

Alto retorno de investimento e tecnologia

A pavimentadora Cat conta com um exclusivo gerador integrado de 70 kW, projetado para uma vida útil longa e, aliado a alta capacidade de giro, resulta no aumento na produção. Além disso, o projeto de fluxo de ar que melhora as condições de operação para a equipe e mantém os componentes mais frios para obter uma longa durabilidade.

As mesas da Série SE50 oferecem dirigibilidade adequada, densidade e textura do pavimento superior. Enquanto o ponto de reboque utiliza um exclusivo projeto de articulação para melhor flutuação da mesa.

A Cat AP555F ainda dispõe de um exclusivo sistema de aquecimento da mesa que monitora os elementos para verificar se há condições de falha, eliminando substituições desnecessárias.

A opção Cat Grade and Slope, integrada à máquina e sua mesa, segundo a fabricante, otimiza a eficiência do operador. A transferência das configurações do sistema de propulsão e alimentação entre estações é feita com um único interruptor. E o sistema de alimentação de enchimento automático simplifica a configuração do equipamento.

No recurso de percurso automatizado, as brocas e as extensões hidráulicas do chassi principal se levantam com a mesa, protegendo contra danos durante o transporte.

Além disso, o Product Link™ monitora remotamente a localização da máquina, as horas diárias de operação, o consumo de combustível, os códigos de falha e o status da manutenção preventiva. Esse recurso contribui para o gerenciamento e suporte da máquina.

CIBER AF5000


Vibroacabadora AF5000 da CIBER.

A vibroacabadoras AF5000 da CIBER, especialista em equipamentos rodoviários, oferece sistema de tração por bomba e motores hidráulicos transmitidos às esteiras, que graças a suas dimensões e distância entre si, permitem ao equipamento uma grande área de contato e estabilidade.

A fabricante informa que essa característica passa total controle de direção ao operador garantindo assim um resultado da aplicação do material, adequado a geometria desejada.

A CIBER ressalta que uma função que também se destaca por garantir a qualidade da aplicação do material é o congelamento da mesa. Ele é utilizado sempre nas paradas do equipamento que acontecem durante a pavimentação, como, por exemplo, a troca de caminhão de material. A mesa alisadora que normalmente trabalha em flutuação é travada automaticamente quando o equipamento para. Ao voltar a pavimentar a mesa retorna automaticamente a flutuação. Esse recurso evita que as marcas indesejadas deixadas pela pressão da mesa sobre o material, priorizando a excelência do acabamento.

Esta vibroacabadora possibilita que o tempo em que a mesa permanece congelada após iniciar a pavimentação seja selecionado pelo operador facilmente no display do painel de operações. Assim como o início de funcionamento e velocidade de vibração e tamper (sistemas de pré-compactação) também podem ser ajustados na AF5000. Tudo para certificar a qualidade da aplicação, explica a marca. Com o tamper é possível não somente elevar a qualidade na aplicação asfáltica como também aumentar o range de aplicação tendo as melhores condições para a aplicação de material de base, por exemplo.

A AF5000 da Ciber também utiliza sistema de nivelamento eletrônico da mesa, podendo ser com sensores ultrassônico ou mecânico e com esquis de comprimentos variados dependendo da necessidade da obra.

Claro, isso tudo com o motor Cumminns QSWB 4.5 com controle eletrônico que além de economia atende os padrões de emissão de poluentes Tier III.

Lucratividade em diversas aplicações

A CIBER explica que, através de seus sistemas inovadores, as vibroacabadoras incorporam tecnologia e praticidade operacional com automação inteligente. Isto, além de fornecer informações em tempo real de todas as configurações de equipamento, apresenta um sistema de transmissão único que oferece versatilidade e flexibilidade.

De acordo com a fabricante, a pavimentadora AF 5000 oferece excelente lucratividade em diversas aplicações, para cargas médias e grandes. O sistema de deslocamento é composto por duas esteiras com ampla área de contato com o solo, ideal para suportar grandes esforços de tração.

Assim, o equipamento compacta com produção de até 450 toneladas por hora, conta com painel de controle com sistema de diagnóstico inteligente e um sistema de pavimentação fácil e controle de direção. Tudo isso em uma máquina com largura máxima de pavimentação de 5,3 metros.

A vibroacabadoras AF5000 da CIBER dispõe da tecnologia CIBER Easy Paving que dispõe de uma tela digital exclusiva com diagnósticos em tempo real. O sistema permite o monitoramento e controle de todas as funções da máquina, oferece maior precisão e facilidade de operação. Aliado a isso, é possível uma maior agilidade nas manutenções através do acesso a módulos eletrônicos. Além de tudo, trata-se de um equipamento que garante uma operação intuitiva com simbologia universal.

VÖGELE Super 1800-3





Pavimentadora Super 1800-3 da Vögele.

A Super 1800-3, a pavimentadora da Vögele, empresa líder mundial no mercado de vibroacabadoras, é um dos mais potentes equipamentos de sua classe. A máquina foi concebida para uma largura de pavimentação máxima de 10 m, com base em um comprimento de máquina de apenas 6 m, capaz de encarar projetos de autoestradas com a mesma alta perfeição que opera em espaços confinados ou rotatórias.

De acordo com a fabricante, esta vibroacabadora de esteira tem um desempenho de até 700t/h, isso graças a uma grande capacidade do silo de recebimento de material aliado ao eficiente sistema de transporte e alimentação de material à frente da mesa alisadora. Assim como o diâmetro de grande dimensão do caracol, que garante o perfeito espalhamento do material aplicado. Tudo isso monitorado automaticamente através do uso de sensores.

Já a mesa alisadora, por sua vez, conta com um sistema de aquecimento elétrico para agilidade no processo e garantia de temperatura ideal na aplicação de mistura asfáltica, pois o ajuste é controlado automaticamente.

A Vögele afirma que a mesa alisadora da Super 1800-3 dispõe de um poderoso sistema de pré-compactação que além de vibração e barra de tamper, ainda pode contar com sistema de barra de pressão (opcional). Essas ferramentas de compactação podem ter suas velocidades ajustadas entregando maior ou menor energia conforme for necessário ao projeto. A função, além de garantir um perfeito acabamento, pode trazer economia para a obra com a diminuição das passadas dos rolos compactadores atrás do equipamento e trazendo um perfeito desempenho nas aplicações de espessuras maiores.

Outro ponto destacado pela empresa na Super 1800-3 é a função auto-set que com apenas um comando acionado pelo operador, ajusta as posições de comandos hidráulicos como, por exemplo, a altura da mesa alisadora e caracol. A função traz muita agilidade no processo de transporte, início e finalização do dia de trabalho. Esse menor tempo utilizado nesse processo comum do dia a dia das pavimentações aumenta o tempo de produtividade e diminui os riscos de danos no transporte.

Aliado a isso, a Super 1800-3 traz um motor diesel Cummins de 123 Kw, que atende aos padrões de emissões de gases Tier III. Além de possuir um controle automático de rotação, podendo por exemplo ser selecionado o modo eco, onde a rotação do motor é limitada e a aceleração é controlada automaticamente conforme a necessidade de operação, trazendo assim uma grande economia de combustível e baixo nível de ruído.

A Super 1800-3 também conta com um eficiente sistema de nivelamento eletrônico da mesa, que traz como opção, entre outros, o sistema Multiplex. Esse recurso utiliza de uma régua com sensores ultrassônicos acoplados e pode chegar até 13m lineares de abrangência proporcionando assim uma ótima opção para nivelamento do pavimento aplicado.

Tecnologia permite simples operação

Para a Vögele, mesmo a melhor máquina com a tecnologia mais avançada só demonstra realmente a sua força se ela puder ser operada da forma mais fácil e intuitiva possível. Ao mesmo tempo, ela deve oferecer um ambiente de trabalho seguro e ergonômico para a equipe de operação.

Portanto, o conceito de operação ErgoPlus3, instalado na Super 1800-3, tem como enfoque o operador. Para isso, o console de operação da vibroacabadora foi projetado para ser claro e em acordo com os princípios práticos, ou seja, todas as funções são combinadas em grupos lógicos de forma que o operador encontre cada uma das funções exatamente onde espera que estejam.

Segundo a fabricante, a plataforma do operador da vibroacabadora também permite uma visão desobstruída de todas as áreas cruciais, como moega de material, guia de direção e mesa.

Além disso, a marca destaca como importantes deste equipamento o conceito de acionamento potente e econômico, mesmo quando operando a plena carga e em qualquer zona climática. E o pacote de baixas emissões “Vögele EcoPlus”, que se propõe a reduzir o consumo de combustível e os níveis de ruído.

Volvo P4820D ABG

Vibroacabadora P4820D ABG da Volvo.

Para projetos rodoviários que demandam elevada qualidade, a Volvo Construction Equipment desenvolveu a vibroacabadora modelo P4820D ABG. A máquina é dirigida para pavimentações de 2,5 a 6,5 metros de largura.

“A P4820D ABG foi projetada principalmente para pavimentação urbana e de estradas que exigem grande apuro técnico. É uma máquina moderna e confiável que garante excelente qualidade no acabamento, como nas obras de rodovias concessionadas”, declara Boris Sánchez, gerente de suporte a vendas e aplicações da Volvo CE Latin America.

O equipamento sai de fábrica com a terceira geração do EPM (Electronic Paver Management), um sistema eletrônico de gestão da pavimentação que fornece informações e permite ajustes precisos de forma rápida, tanto da mesa como da unidade tratora. O EPM é um sistema reconhecido no mercado por garantir qualidade, produzindo uma camada asfáltica sem ondulações e irregularidades.

“A EPM3 repassa simultaneamente dados para os três painéis da máquina onde ficam os operadores. Além de serem intercambiáveis, os painéis permitem controlar todas as funções de operação da mesa, a partir de qualquer um deles”, afirma Sánchez.

Para assegurar que a operação de pavimentação não seja interrompida, a fabricante informa que o sistema inclui sistemas de redundância, em caso de algum dos painéis ficar inoperante, podendo as funções ser controladas a partir dos restantes.

Para proporcionar consistência de acabamento, os operadores podem armazenar ajustes de parâmetros personalizados ou até usar esse ajuste em outros projetos.

A Volvo destaca ainda alguns dos vários recursos disponíveis no equipamento, como Anti-climb, Screed Lock e Screed Assist, que permitem atender aos mais rigorosos critérios de pavimentação.

Visibilidade total e baixo consumo

A vibroacabadora possui uma plataforma da unidade tratora posicionada de forma que o operador tenha uma melhor visualização, inclusive da área de pavimentação. “A visibilidade é total, sem obstáculos, ao redor de toda a máquina, do silo, do canal do distribuidor helicoidal e da mesa. Com visão mais clara, aumenta o desempenho e a qualidade do trabalho”, diz o executivo da Volvo CE. 

A P4820D ABG tem capacidade do silo em 12 toneladas. Isso permite o fornecimento alimentação ininterrupta e automática de material, mantendo a máquina em uma velocidade constante, reduzindo paradas e arranques e com um acabamento mais liso.

Para trabalhos à noite, o equipamento pode ser configurado, opcionalmente, com luzes de trabalho. Duas luzes para iluminação frontal, duas para a área atrás da máquina e duas laterais.

A vibroacabadora possui o Modo Eco de série. A fabricante garante que ele ajusta a potência durante a pavimentação, estendendo a vida do motor e dos componentes, além de reduzir o consumo em até 30% e diminuir os níveis de ruído.

O sistema EPM 3 também monitora a média de consumo, mostra o gasto diário e o tempo de autonomia restante. O controle da velocidade do motor é inteligente e dá mais eficiência à máquina, que conserva potência para lidar com aplicações mais pesadas.

A pavimentadora conta com a SCU (do inglês Screed Control Unit ou unidade controladora da mesa) que permite que a equipe cumpra várias exigências do canteiro de obras, e que extensões sejam adicionadas ou removidas rapidamente, sem necessidade de ferramentas especiais, graças ao sistema de acoplamento rápido.

As mesas da Volvo têm quatro tubos de guia para cada extensão hidráulica. Os tubos rígidos funcionam em conjunto, para evitar que as extensões da mesa se torçam quando altas forças são exercidas sobre elas. Outro destaque feito pela Volvo é o aquecimento elétrico da mesa, que auxilia para um acabamento mais liso do asfalto.

(Fonte: Redação EaeMáquinas)

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Últimas noticias

Semana Internacional do Café alcança 58 países em edição digital histórica

Com registro de 25 mil acessos até o dia 20 de...

Cemig SIM conclui aquisição de sete usinas solares

Empresa investiu quase R$ 55 milhões para deter 49% de participação...

Com tecnologia de ponta, STANLEY conta com linha de inversoras de solda

Modelo 61316. As máquinas entregam funções especiais em uma única máquina para...

Construtora do Paraná investe em tecnologia e inova ao vender pela internet

A Prestes Construtora e Incorporadora, com sede em Ponta Grossa, interior do...
Anterior
Próximo

Syngenta debate papel da indústria no aumento de produtividade da olericultura em live do Caminhos do Agro SP

Durante o evento, Francisco Sallit, Gerente Comercial da Unidade de Negócios...

Sobratema homenageia 19 marcas no Destaque Pós-Venda 2020

Apresentador Vagner Barbosa anunciou os homenageados do Destaque Pós-Venda Sobratema 2020 durante o Tendências no Mercado...

Mais Lidas

Você também pode gostar deRELATED
Recomendamos para você