Tel:11 - 4604-8046 | E-Mail: atendimento@eaemaq.com.br

Notícias do Mercado Dica técnica Coronavírus: como as indústrias podem conservar o óleo solúvel...

Coronavírus: como as indústrias podem conservar o óleo solúvel da usinagem em períodos de menor produtividade

-

- Advertisement -
Medição óleo solúvel
- Advertisement -

O coronavírus vem levando muitas indústrias a reduzir ou até mesmo parar a usinagem. A fabricante de especialidades químicas Quimatic Tapmatic alerta que o momento exige uma série de cuidados extras para a conservação da qualidade do óleo solúvel. Afinal, o fluido irá ficar mais tempo parado no reservatório das máquinas e tem maiores chances de se deteriorar.

“Quando parado ou sem a devida reposição de concentrado, o óleo solúvel fica sujeito à ação de micro-organismos e pode se estragar prematuramente, causando mais prejuízos às indústrias”, enfatiza Marcos Pacheco, químico da Quimatic Tapmatic.

De acordo com o profissional, o óleo solúvel deteriorado pode gerar uma série de problemas, como: Mau cheiro no ambiente de trabalho (ambiente insalubre); Riscos para a saúde dos operadores (como irritação das vias respiratórias e também na pele); Corrosão e desgaste nas máquinas de usinagem, e Falhas na produção de peças.

Para evitar estes riscos, a única solução é proteger o óleo solúvel.

Como conservar o óleo solúvel – Mesmo com a redução do ritmo de atividades devido ao coronavírus, é possível evitar a contaminação do óleo solúvel de forma fácil. Basta tratar de maneira preventiva a emulsão antes de parar ou reduzir o volume de produção. Depois, no retorno ao ritmo de atividades normal, deve-se complementar os cuidados.

Confira 3 dicas da Quimatic Tapmatic para manter a qualidade do óleo solúvel:

1 – Antes da parada ou redução do ritmo das máquinas, é recomendável avaliar o estado atual do óleo solúvel, através da determinação do pH (potencial de hidrogênio) da solução.

2 – Em alguns casos, uma simples manutenção – com aplicação de dose extra de preservante e alcalinizante – será o suficiente para manter as propriedades corretas até a data de retorno.

3 – No retorno ao ritmo normal de atividades, os cuidados devem prosseguir, com uma nova checagem das propriedades do óleo solúvel.  Estes cuidados consistem em verificar de novo o pH, além de conferir a taxa de diluição (Brix), corrigir a emulsão caso a mesma apresente algum desvio e remover o tramp oil. É importante que o tramp oil seja constantemente removido da solução. Existem no mercado equipamentos próprios para esta remoção, como o “skimmer” de disco ou correia.

E o que fazer se o óleo solúvel deteriorar?

Se os cuidados não forem realizados da forma correta – ou se não ocorrerem – existe um grande risco do óleo solúvel já estar deteriorado na hora do retorno às atividades.

Neste caso, será necessário trocar a solução, realizando antes uma boa limpeza no reservatório e na máquina. Esta limpeza deve ser feita com um desengraxante industrial, como o desengraxante à base de água Quimatic ED SOLV, e um bactericida, como o Limpomaq.

Mas é preciso atenção nesta etapa: não adianta apenas remover o óleo solúvel contaminado e colocar óleo novo no lugar (sem fazer a devida limpeza). Afinal, os micro-organismos ainda presentes no sistema voltarão a contaminar a solução, levando à rápida perda de todo o volume reposto. É preciso realmente efetuar a troca de todo o óleo solúvel.

A importância do óleo solúvel bem conservado – Um óleo solúvel bem conservado e de alta qualidade minimiza o atrito e o calor gerados nos processos de usinagem e corte de metais.

Além disso, uma boa emulsão garante: Melhor resistência ao apodrecimento; maior proteção contra o desgaste excessivo de ferramentas; Maior qualidade das peças, evitando que mesmas apresentem acabamento inadequado, alterações dimensionais ou cores indesejadas (devido à queima); e Maior estabilidade na usinagem (reduz a vibração, nível de ruídos e danos na máquina ao evitar atrito e calor excessivos).

Pensando em facilitar o trabalho dos profissionais responsáveis pelo óleo solúvel nas indústrias, a Quimatic Tapmatic disponibiliza uma ficha de controle. Na planilha é possível inserir todos os dados importantes para verificação e histórico da solução. Para baixar a ficha, acesse:https://www.quimatic.com.br/ficha-de-controle-oleo-soluvel.php

(Fonte:Assessoria de imprensa)

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Últimas noticias

John Deere é eleita uma das 20 empresas mais inovadoras do Brasil

Empresa também ficou em 3º lugar entre as empresas do setor automotivo...

Ministro da Infraestrutura participa de videoconferência com governadores da região Norte sobre obras na BR-319/AM

Pavimentação da rodovia vai permitir maior segurança e redução no tempo de...

Com a sistematização, produtor transforma a pior área para colheita em referência de alto rendimento.

Em cinco anos, a agricultura de precisão transformou uma área de baixa...

Sistema híbrido de trabalho

Modelo de Home Office - Estúdio 4. Divulgação. Nem totalmente em casa, nem...
Previous
Next

Produtores da Amazônia Legal podem conhecer soluções da Kepler na Agrolab Amazônia

Empresa marca presença em feira que acontece de maneira virtual, buscando estreitar...

CNH Industrial eleita novamente uma das 10 empresas mais inovadoras do Brasil

Pelo terceiro ano, empresa é reconhecida pelo jornal Valor Econômico e Strategy&. Prêmio reflete esforços em focar o cliente...

Mais Lidas

Você também pode gostar deRELATED
Recomendamos para você