Exportação de açúcar pelo Terminal de Contêineres de Paranaguá…

Exportação de açúcar pelo Terminal de Contêineres de Paranaguá tem alta de 4.500% em 2023

Exportação de açúcar pelo Terminal de Contêineres de Paranaguá tem alta de 4.500% em 2023

Redução no custo do frete marítimo está entre os principais responsáveis pelo aumento na demanda

A TCP, empresa que administra o Terminal de Contêineres de Paranaguá, movimentou, entre janeiro e agosto de 2023, 1.840 TEUs (20 pés de comprimento de contêiner) de açúcar. O volume é 4.500% superior ao registrado no mesmo período de 2022, que foi de 40 TEUs. A principal origem da carga exportada pela TCP é do estado de São Paulo (60%) e tem como destino o continente africano (52%).

De acordo com dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços, até a terceira semana de julho deste ano, o Brasil já havia exportado mais de 13,24 milhões de toneladas do produto, gerando uma receita cambial de US$ 6,27 bilhões.

Adversidades climáticas enfrentadas por outros fornecedores de açúcar, como a Índia, também impulsionam os números de exportação da commodity. “Vemos uma manutenção desta performance de movimentação para os próximos meses”, avalia o gerente comercial, logística e de atendimento ao cliente, Giovanni Guidolim.

Um dos principais motivos para o aumento expressivo na exportação de açúcar por contêineres está na redução do valor do frete marítimo, que registrou uma queda de aproximadamente 60% em relação a 2022, tornando a operação mais rentável. Outra vantagem da exportação do produto por contêineres está na flexibilidade apresentada por esta modalidade de transporte. Além de permitir a formação de lotes de maneira mais controlada, os contêineres podem ser armazenados gratuitamente (free time) por até sete dias no terminal nas operações de exportação.

“Graças a parceria da TCP com diversos armazéns localizados na retroárea do terminal, conseguimos realizar serviços excelentes e estratégicos para um atendimento de qualidade dos nossos clientes, como a armazenagem do produto, processo de estufagem em container e conferência de lotes”, explica Guidolim.

O transporte do açúcar por contêineres também permite a exportação da carga de forma fracionada, com um embarque e descarga facilitados, pois não sofrem interferências das variações climáticas que possam ocorrer nas cidades portuárias, situação que pode atrapalhar a operação na modalidade break bulk (quando a carga é transportada no porão de navios).

TCP alcança a marca de 16 milhões de contêineres movimentados

 Na última semana de agosto, a TCP alcançou um marco histórico ao movimentar 16 milhões de TEUs (medida para um contêiner de 20 pés de comprimento). Nos sete primeiros meses de 2023, destacaram-se as exportações de carnes e produtos congelados, seguidos por commodities agrícolas. Nas importações, os bens de consumo e eletrônicos lideraram, seguidos pelo setor automotivo. O resultado foi obtido ao longo de 25 anos de atuação do terminal no Paraná.

Deixe seu comentario

Ultimas Noticias

Frasle Mobility realiza maior aquisição da história da empresa e expande atuação no mercado automotivo mexicano Companhia brasileira anuncia a aquisição das operações de
Categorias

Fique por dentro das novidades

Inscreva-se para receber novidades em seu Email, fique tranquilo que não enviamos spam!

Deixe seu Email para acompanhar as novidades 

Solicitar maiores informações

Preencha as informações abaixo e entre em contato com o anúnciante!