Ingredion Brasil realiza ações para apoiar os colaboradores durante pandemia do novo coronavírus

Medidas também visam a segurança da operação e dos trabalhadores nas fábricas.

Como líder global em soluções de ingredientes para as indústrias de alimentos, bebidas, nutrição animal, farmacêutico, papel, entre outros, e com clientes em mais de 120 países e vendas anuais de quase US$ 6 bilhões, a Ingredion tem mantido a sua operação ativa mesmo durante a pandemia do novo coronavírus.

Para assegurar as entregas aos clientes, honrar as parcerias estabelecidas e apoiar os colaboradores, a Ingredion Brasil estabeleceu uma série de medidas para garantir a continuidade do negócio e a segurança dos do time.

Além de ter sido uma das primeiras empresas no Brasil a adotar o home office diante da pandemia da Covid-19 – em 9 de março, para 433 colaboradores, a Ingredion Brasil concedeu licença remunerada aos maiores de 60 anos e estabeleceu iniciativas para que as 1.053 pessoas essenciais nas fábricas pudessem trabalhar com tranquilidade, segurança e toda a infraestrutura necessária.

“Nossa prioridade neste momento é a segurança de nossas pessoas. Não podemos nos esquecer, contudo, da responsabilidade com nossas comunidades e da importância de garantirmos o suprimento das cadeias industriais que atendemos. E assim seguimos, sabendo que nosso principal ingrediente sempre será nossas pessoas”diz Leopoldo Horle, Presidente da Ingredion Brasil.

Com essa premissa, a companhia adotou as seguintes medidas:

• Os colaboradores são escaneados com medidor de temperatura digital antes de entrar nas fábricas. Se o registro de temperatura for de 37,8ºC depois de dois testes, o colaborador é acompanhado pelo médico do trabalho para receber atendimento médico;

• O horário de almoço foi estendido. Além disso, a companhia adotou embalagem individual de talheres e guardanapos e aumentou a distância entre as cadeiras do refeitório, como orienta a OMS;

• A empresa intensificou a limpeza já de alta qualidade, que agora é realizada três vezes ao dia, bem como aumentou os pontos de álcool em gel;

• Reconhecimento a cada um dos colaboradores que trabalham nas fábricas durante a pandemia com R$ 400;
Comitê de Crise diário, inclusive aos sábados e domingos;

• Comunicações diárias sobre saúde mental, boas práticas, dicas, cursos e outros temas;

• Oferta de alimentação e vestiário aos caminhoneiros que vão às fábricas, tudo com o máximo de segurança;

• Doação do equivalente a 20 refeições por funcionário ao Banco de Alimentos, totalizando 29.720 refeições, além de realizar doações locais para instituições e hospitais.

“Em tempos difíceis como este, temos que estar ainda mais atentos e olhando para as necessidades de nossas pessoas, comunidades e operações. Por isso, já estamos inclusive trabalhando no plano de retorno dos colaboradores administrativos que hoje estão remotos, que esperamos que possa acontecer em breve e com o máximo de segurança e tranquilidade para eles e seus familiares”, explica André Stolf, vice-presidente de Operações América do Sul.

(Fonte:Assessoria de imprensa)

Deixe seu comentario

Ultimas Noticias

Polímeros são alternativas sustentáveis e eficientes para o agronegócio
Polímeros são alternativas sustentáveis e eficientes para o agronegócio Solução que pode até substituir o aço em alguns processos da indústria ajuda também na
Categorias

Fique por dentro das novidades

Inscreva-se para receber novidades em seu Email, fique tranquilo que não enviamos spam!

Deixe seu Email para acompanhar as novidades 

Solicitar maiores informações

Preencha as informações abaixo e entre em contato com o anúnciante!