The world is running out of topsoil // rendre au sol ce qui appartient au sol // vamos devolver à terra o que lhe pertence

The world is running out of topsoil // rendre au sol ce qui appartient au sol // vamos devolver à terra o que lhe pertence

Como recuperar e reutilizar a maior quantidade de solo para reaproveitá-lo em diferentes canteiros de obras.
The world is running out of topsoil // rendre au sol ce qui appartient au sol // vamos devolver à terra o que lhe pertence

O mundo poderá ficar sem solo – o chamado de solo superficial – em cerca de 60 anos se continuarmos a degradá-lo ao ritmo atual.

O próprio no Parlamento Europeu, de fato, já estão movendo os primeiros passos com a aprovação da Natura Restaurantion Law (NRL) (Lei de Restauração da Natureza), um regulamento que prevê a restauração de pelo menos 30% dos habitats naturais e o aumento dos espaços verdes urbanos até 2030.

Mas qual é o impacto dos canteiros de obras na proteção do solo?

A remoção do solo superficial para permitir a construção de infraestruturas é uma prática padrão. A terra escavada é normalmente classificada como rejeito, mas deixa de ser resíduo se for totalmente recuperada. Reciclar e reaproveitar o solo torna-se essencial tanto para economizar dinheiro no descarte e possível recompra de material novo, quanto para evitar contaminar o solo com materiais vindos de outras partes.

 Com um equipamento MB Crusher instalado na máquina operacional já presente no local, a gestão dos materiais torna-se mais fácil e sustentável, também em termos de dinheiro e tempo.

Adeus para as ervas daninhas de Versalhes

No extremo oeste do Castelo de Versalhes, na França, nos limites dos Jardins Gally, uma escavadeira Mecalac de 10 toneladas trabalha no depósito de materiais. Uma caçamba peneira MB-S10 está instalada na extremidade de seu braço. “Precisávamos peneirar o material escavado tanto para obtenção de terra quanto para composto para organizar os canteiros e gramados dos Jardins” – diz Joël Fauvel, vice-diretor do departamento de jardins de Trianon e Marly – “Anteriormente, nossos jardineiros tinham que carregar manualmente a terra escavada em uma peneira montada em uma estrutura. Agora, com a caçamba peneira MB Crusher, a separação do material é, com certeza, mais simples e rápida.”

O mais importante – continua Fauvel – “é que o solo processado com a peneira MB contém bem menos raízes de ervas daninhas e isso é fundamental para poder reaproveitá-lo. O que vem do solo volta para o solo, desta vez muito mais limpo.”

Volte para onde você veio

São 15 quilômetros de escavações a serem preenchidas durante a colocação de aquedutos e redes de esgoto em uma pequena comunidade peruana – El Porvenir. Fazê-lo com o mesmo material escavado é um ganho para o canteiro de obras, mas sobretudo para o meio ambiente. O problema pode parecer ser o material molhado, afinal estávamos no auge da estação chuvosa. Problema resolvido com a instalação de uma caçamba processadora de rotores MB Crusher MB-HDS212 na miniescavadeira Bobcat já instalada no local. As vantagens são muitas: não há necessidade de compra de novos equipamentos, não há idas e vindas de caminhões no canteiro de obras, a terra extraída retorna – limpa – ao seu lugar.

Tudo é a 0 KM

Durante os trabalhos de escavação, a terra é frequentemente misturada com galhos, pedras, raízes e outros materiais “perturbadores”. Por que mandar tudo para aterro quando com a caçamba processadora MB-HDS é possível separar de forma fácil e rápida as impurezas da terra e depois reaproveitar o material? Na Alemanha, um canteiro de obras tinha precisamente este problema: o aterro mais próximo para onde poderia levar o solo removido ficava a cerca de 35 quilômetros de distância e isso significava aumento de tempo e custos. Problema resolvido usando uma caçamba processadora MB-HDS207 para peneirar o material e separar a terra das pedras e raízes.

https://vimeo.com/924957920

O ambiente é algo que funciona como um organismo: uma única intervenção local tem consequências em todo o sistema. Se este equilíbrio for quebrado, todo o sistema corre o risco de ser destruído.

Que ajuda pode ser dada? Simplesmente tratar a terra escavada com o equipamento MB Crusher para obter solo “limpo”, facilitar as operações no canteiro de obras e contribuir para a proteção ambiental. E para isso basta utilizar as máquinas operacionais já presentes no local.

 

 

 

 

 

Deixe seu comentario

Ultimas Noticias

Ferrovia de MT é responsável por 62,1% do saldo de empregos em infraestrutura no estado no 1º tri de 2024
Ferrovia de MT é responsável por 62,1% do saldo de empregos em infraestrutura no estado no 1º tri de 2024 Ao todo, o saldo
Categorias

Fique por dentro das novidades

Inscreva-se para receber novidades em seu Email, fique tranquilo que não enviamos spam!

Deixe seu Email para acompanhar as novidades 

Solicitar maiores informações

Preencha as informações abaixo e entre em contato com o anúnciante!